30/09/2019

Simulação realística de múltiplas vítimas impressiona participantes do I FUECS

O Fórum de Urgência e Emergência do Coren-SE (FUECS) foi realizado nos dias 26 e 27 de setembro.

“Foram dois dias de aprendizado que, com certeza, farão muita diferença no futuro do atendimento de urgência e emergência de Sergipe. Sou extremamente grata pela oportunidade de aprender com profissionais tão bem capacitados e que tem tanto a ensinar”, foram com essas palavras que a estudante Luana Bandeira agradeceu ao Coren-SE por ter promovido o I Fórum de Urgência e Emergência do Coren-SE (FUECS), que segundo ela foi “um evento de excelência”.

Realizado nesta quinta e sexta-feira (26 e 27/09), no auditório da Didática VII da Universidade Federal de Sergipe, o FUECS capacitou mais de 300 participantes, entre profissionais e estudantes. Durante os dois dias de eventos, o público presente assistiu 11 palestras que abordaram temáticas importantíssimas e esclarecedoras a fim de capacitar os participantes que lidam com esse tipo de ocorrência a prestar uma assistência segura e qualificada. O momento mais esperado foi a simulação realística sobre Incidente com Múltiplas Vítimas (IMV).

O simulado fez uma demonstração realística de um atropelamento com vítimas através de um carro de passeio. A cena contou com a participação de 12 vítimas (estudantes do curso de enfermagem da Liga Acadêmica de Urgência e Emergência de Enfermagem da Unit– LAUENF), duas motolâncias, uma Unidade de Suporte Básico (USB), uma Unidade de Suporte Avançado (USA), um Veículo de Intervenção Rápida (VIR), dois carros do Corpo de Bombeiros e a equipe do Grupamento Tático Aéreo (GTA). A cena foi narrada por membros da Comissão de Urgência do Cofen, Sérgio Martuchi e Marcos Fonseca.

De acordo com a conselheira e diretora do departamento de Cursos e Aprimoramentos do Coren-SE, Elline Alves, só neste ano de 2019, foram registrados 30 acidentes com múltiplas vítimas. “Este foi um dos motivos de incluirmos a simulação realística no evento. O trabalho em conjunto com os demais órgãos competentes foi extremamente importante para garantir a segurança da cena, o controle e atendimento as vítimas”, disse a conselheira.      

A simulação enfatizou que os profissionais que lidam com esse tipo de ocorrência devem estar com as ações coordenadas. “A simulação foi uma ação pedagógica visando as boas práticas profissionais e éticas dos enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem do estado de Sergipe. Nessa primeira edição do Fórum trouxemos uma programação voltada para a atualização dos profissionais com novos protocolos e enfoque em algumas demandas do dia a dia. O objetivo do Conselho é promover conhecimento através de atividades científicas e pedagógicas”, disse o conselheiro e coordenador do evento, Conrado Marques.

Para a deputada estadual Goretti Reis que esteve presente no Fórum, esse tipo de evento é mais uma oportunidade para se pensar em novos desafios e propostas para a profissão. “Isso me deixa orgulhosa porque nós estamos lutando sempre para o aperfeiçoamento de nossa profissão e para os nossos profissionais”, ressaltou a parlamentar que também é enfermeira.

O evento contou com o apoio do Corpo de Bombeiro, SAMU, Grupamento Tático Aéreo, CPTRAN, Polícia Militar, Secretaria de Estado da Saúde, UFS, Unit, Seese, Sintasa, Sintama e ABEn.

Clique aqui e confira todas as fotos do evento.




  • bannerConvenio207x117
  • bannerTransparencia 207x 117
  • e-dimensionamento-207x117