24/01/2020

Coren-SE participa do III Fórum de Boas Práticas Hospitalares em Itabaiana

Evento tem duração de duas semanas e aborda temas de relevância para o futuro profissional

Aconteceu na manhã do dia 24 de janeiro o III Fórum de Boas Práticas Hospitalares, direcionado aos alunos do Estágio Curricular Supervisionado I, do curso de Enfermagem, da Universidade Tiradentes, Campus Itabaiana. O objetivo do evento é levar informação e sanar dúvidas dos alunos que ingressam no último ano do curso de enfermagem.

De acordo com a coordenadora do curso e do evento, Priscila Laíse dos Santos, esta é uma forma de preparar os alunos que estão entrando no estágio supervisionado. “Buscamos abordar temáticas importantes que eles já viram no curso, além de novos assuntos. Informações serão importantes quando se graduarem”, informa a coordenadora.

Com duração de duas semanas, o fórum contou com a participação do presidente do Conselho Regional de Enfermagem (Coren-SE), Diego Rafael da Silva Borges, que contribuiu com a temática ‘Entidades de Classes’. “Ter conhecimento das funções destas entidades permite que os profissionais saibam a quem eles devem recorrer em casos de dúvidas, atendimentos, apoio, denúncias, reivindicações, bem como compreender as diretrizes de cada uma delas”, explica o presidente.

Para a professora do módulo Estágio Curricular Supervisionado I, Marcirene Santos de Mendonça, é de fundamental importância este contato dos alunos com Coren-SE. “Principalmente para que eles saiam da graduação de forma preparada e entendendo quais são os direitos e deveres que os profissionais têm e o que isso representa”, esclarece a professora, que afirma ser comum dúvidas entre os alunos, por exemplo, quanto a forma que Sindicato e Conselho atuam e as atribuições que exercem. “Por isso sempre procuramos trazer o Conselho para a sala de aula”, pontua.

O fiscal do Coren-SE, Evaldo Lima De Oliveira Filho, também realizou apresentação e tratou sobre ‘Participação e Lutas da Enfermagem’. “Abordei sobre a enfermagem como prática social, além de falar a respeito das atribuições da profissão, projetos de leis que interferem positiva e negativamente no exercício da enfermagem, dentre outras questões relevantes”, esclarece o fiscal.




  • bannerConvenio207x117
  • bannerTransparencia 207x 117
  • e-dimensionamento-207x117